Você está aqui


O jornal eletrônico EXTRA divulgou, em sua edição do dia 24 de junho, uma matéria realizada a partir de entrevista com o prof. Carlos Lima, coordenador do Núcleo de Educomunicação da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo.

Afirma a reportagem, intitulada: "Educomunicador, o professor do futuro" que o Educomunicador é o profissional responsável que atua na interface da comunicação e educação, sendo um profundo conhecedor das linguagens da comunicação e da intencionalidade educativa dos meios. De acordo com Carlos Lima, professor de língua inglesa da Rede Municipal de Ensino, radialista e especialista em Educomunicacao pela ECA USP, o Educomunicador atua como um mediador capaz de incentivar mudanças, tanto na recepção das mensagens dos meios de comunicação de massa quanto na formação de cidadãos críticos e atuantes.

Carlos Lima. Reprodução: Facebook

 

Ao final, a matéria traz o testemunho do Carlos, em sua vivência educomunicativa: "Me sinto realizado profissionalmente. Passei por diversas experiências profissionais, incluindo atuação no setor privado e público como professor. Sempre fui um Educomunicador mesmo em momentos em que desconhecia o conceito. Ser Educomunicador, para mim, é um estilo de vida também".

Com a Educomunicacão criei e ousei projetos em uma educação que não possibilita espaço para inovações. Ganhamos este espaço porque melhoramos o aprendizado de crianças e adolescentes e isto não tem preço. Sou criador do Imprensa Jovem que hoje tem cerca de 150 projetos e se mantém há 10 anos na Rede Municipal de Ensino de São Paulo.

Leia a íntegra do texto: Educomunicador: o professor do futuro