Você está aqui


 
 

A convite do Curso de Comunicação Social da UFCG, da Secretaria da Juventude, Esporte e Lazer do governo do Estado da Paraiba, assim como da 3a Gerência de Educação, o Prof. Carlos Lima, associado da ABPEducom,  visitou a cidade de Campina Grande, de 22 a 24 de agosto, tendo ministrado palestras e coordenado oficinas sobre práticas educomunicativas.

Ao falar  no teatro de Campina Grande, no encerramento de seus trabalhos, o  coordenador do Núcleo de Educomunicação da SME/SP debateu o conceito da  Educom no  contexto da implementação de projetos de intervenção social. 

Entres os beneficiados da visita encontram-se os estudantes da Habilitação em Educomunicacão da UFCG, além de professores e alunos  de escolas públicas locais. De acordo com Carlos Lima, está foi uma "incrivel experiência", pois envolveu  a universidade e os poderes públicos estadual e municipal em torno de um único objetivo: reforçar as políticas em torno à prática educomunicativa no Estado da Paraíba. 

 

Habilitação em Educomunicação 

As atividades traduziram, por outro lado, o esforço da coordenação e dos alunos da Habilitação em Educomunicação no sentido de ampliar um diálogo com os protagonistas das ações educomunicativas no país. No caso específico, o visitante notabilizou-se por haver recebido uma tarefa complexa e exigente: dar prosseguimento à formação que o NCE/USP havia levado a 454 escolas e 11 mil, entre professores e alunos da rede municipal de ensino fundamental (Educom.rádio, 2001-2004). Carlos foi nomeado para esta função em 2006, nela permanecendo ativamente até a presente data, perpassando diferentes administrações na Secretaria de Educação da Prefeitura Municipal. Em sua missão, além de animar as escolas municipais que mantém projetos educomunicativos, Carlos Lima vem tralhando para consolidar uma estratégia de ação que garanta a continuidade da prática no espaço das reformas da grade curricular do ensino municipal.