Você está aqui


A semiótica ganha mais um espaço a mais de divulgação de pesquisas. Com atualizações mensais e em fluxo contínuo, a revista online semeiosis (www.semeiosis.com.br) acolhe trabalhos experimentais dedicados à investigação de fenômenos geradores de sentidos, incentivando uma visão sistêmica e transdisciplinar do conhecimento científico.

Trata-se de uma iniciativa do Grupo de Pesquisa Semiótica da Comunicação, registrado no CNPq e sediado na Escola de Comunicações e Artes da USP. O Grupo é coordenado pelos professores Irene Machado e Vinicius Romanini, editores científicos da revista.

Mais do que debater processos de linguagem, a concepção editorial da revista consiste em que semeiosis constitua, ela própria, um ambiente explorador de linguagens. Mais do que falar sobre semiose, atentar, no design e na edição de conteúdos, para as possibilidades semióticas que o espaço virtual oferece.

Assim, para os formatos tradicionalmente encontrados em publicações científicas – artigos, papers, ensaios, entrevistas ou resenhas de livros –, semeiosis possibilita aos autores que os apresentem com a diversidade de recursos e linguagens possível à internet. Materiais gráficos, audiovisuais ou sonoros, bem como estratégias de seleção e navegação que permitam diversos níveis de acesso ao material publicado, de acordo com o interesse do usuário, são viabilizados e estimulados. A revista incentiva ainda a apresentação de trabalhos experimentais, que estejam em conexão com as artes e atentos a possibilidades de apresentação do conhecimento diversas daquelas oferecidas pelos formatos mais sedimentados do texto acadêmico.

Coerentemente com a proposta de exploração do ambiente virtual, semeiosis recebe e publica colaborações em fluxo contínuo, ao invés de operar com edições periódicas. Os trabalhos devem ser enviados por email (semeiosis@usp.br), podendo ser apresentados em português, francês, espanhol, italiano ou inglês, devendo também ser originais e inéditos no Brasil. A revista aceita colaboração de alunos de graduação ou pós-graduação, professores, artistas, pesquisadores ou scholars independentes de qualquer área de conhecimento, bastando que seu trabalho apresente uma aproximação, cruzamento ou ponto de vista relacional com a semiótica.

Mais informações sobre o projeto editorial e as normas de publicação de semeiosis podem ser obtidas no site da revista (www.semeiosis.com.br).