Você está aqui


Saudando o público com um vibrante AXE!!!, o coordenador do NCE-USP, Ismar de Oliveira Soares,  e o Diretor Executivo da Viração, Paulo Lima, compartilharam, no  dia 16 de setembro, na cidade de Ougadougou, Burkina Faso, um workshop,  assistido por 95 comunicadores e educadores de países africanos, presentes ao 22º. Congresso Mundial da UCIP - Union Catholique Internacionale de La Presse.

Durante o workshop, Paulo Lima trabalhou os conceitos básicos que definem a educomunicação, no contexto de uma civiliazação presidida pela acessibilidade dos meios digitais, pontuando experiências práticas reconhecidas no Brasil, quer no espaço do terceiro setor quer no ensino formal. Deu ênfase ao processo educomunicativo vivido pela Revista Viração. Por seu lado, Soares lembrou a legitimação do conceito como política pública, em diferentes níveis, desdeo internacional até o local, ressaltando a qualificação de paradigma que atribui à educomunicação.

Durante o evento, os dois especialistas coordenaram uma oficina para dez integrantes do congresso, motivando os participantes a criar um blog para publicar suas produções organizadas a partir de uma metodologia educomunicativa. A  experiência criou as bases para a continuação do contato entre os brasileiros e os trepresentantes dos diferentes países da África, entre os quais a Nigéria, o Senegal e a própria Burkina Faso.

Durante o workshop, as questões levantadas pelos participantes giraram em torno de temas como a diferença de sentido entre os termos ”media education”  e “educommunication”, e a viabilidade da aplicação do conceito nos países africanos.

Ao final do congresso da UCiP,  Paulo Lima recebeu, em nome da Revista Viração, o International  Educommunication Award, prêmio outorgado pela instituição a partir de seu congresso em Bangkoc, Tailândia, em 2004. Até o momento, duas organizações brasileiras receberam esta comenda: além de Viração, a ANDI – Agência e Notícias do Direito da Infância, com sede em Brasília.